Em um primeiro momento, qualquer principiante em Desenvolvimento Web pode se deparar com dúvidas sobre o seu futuro profissional, afinal, trata-se de uma carreira abrangente e repleta ramificações.

Para superar essa questão, existem algumas dicas básicas que podem lhe auxiliar a traçar os melhores rumos profissionais e ter sucesso na área!

A seguir, saiba mais sobre os principais ramos do Desenvolvimento Web, entenda como colocar as suas melhores ideias em prática e descubra quais conhecimentos esperar de um bom curso no segmento.

Em quais áreas um principiante em Desenvolvimento Web pode se focar?

É importante para qualquer principiante em Desenvolvimento Web analisar minuciosamente todas as áreas profissionais em que é possível atuar, a fim de estabelecer as suas prioridades e focos na carreira.

Os profissionais generalistas são aqueles mais valorizados no mercado de trabalho e, por mais que dominar a função de full-stack pareça um desafio, já existem métodos inovadores de ensino. Eles proporcionam abordagens holísticas e práticas sobre o tema, capazes de formar profissionais com excelência em até nove semanas, prontos para ocupar cargos no mercado!

Para que você entenda melhor o que esperar de cada segmento, confira os principais rumos que podem ser adotados por um principiante em Desenvolvimento Web nos dias de hoje:

1) Torne-se um especialista em UI/UX

O profissional responsável pelo UI, ou User Interface, é aquele que desenvolve o design de um site ou aplicativo, planejando toda a interface que será disponibilizada aos usuários, bem como as suas funções.

No caso do UX, ou User Experience, a abordagem deve ser mais geral, considerando todos os meios de interação e quais os melhores produtos ou serviços capazes de proporcionar a melhor experiência possível aos consumidores.

Quem deseja dominar essa área deve estar disposto a lidar com softwares gráficos e a compreender o comportamento dos seus públicos de interesse!

2) Foque na ciência dos dados

Com o volume maciço de dados presentes na internet, em conjunto com a popularização do conceito de Big Data, cada vez mais empresas passaram a buscar por profissionais capazes de transformar essa grande quantidade de informações em ações capazes de gerar lucro!

Assim surgiu a função de Cientista de Dados, que desempenha a função de obter, agrupar e analisar determinadas informações para criar insights que favoreçam determinado negócio, como é o caso das análises e projeções dos comportamentos dos consumidores.

Além de muita criatividade e senso crítico, os profissionais dessa área devem compreender bem os movimentos do mercado, dominar conhecimentos sobre estatística e trabalhar com softwares de análise de dados. Hoje em dia já existem cursos intensivos voltados a formar profissionais nessa área que não pára de crescer.

3) Atue como CDO

O Chief Digital Officer é um tipo recente de profissional, que visa manter as empresas sempre atualizadas em seus ramos de atuação, determinando as melhores maneiras de implementar as mais recentes tecnologias em prol dos seus negócios!

Espera-se que um bom CDO domine conhecimentos sobre tecnologia, negócios, administração e marketing.

4) Desenvolva para dispositivos móveis

O Brasil está entre os países que atingiu a marca de mais de um smartphone por habitante, segundo dados da FGV!

Os smartphones e demais dispositivos mobile são parte fundamental do cotidiano das pessoas e das empresas, fato que exige avanços constantes em termos de funcionalidades e aplicações, além de profissionais em desenvolvimento web devidamente qualificados.

5) Atue como gestor de projetos

Para que as ideias ou propostas apresentadas para um time de desenvolvimento possam realmente sair do papel, é necessário que um profissional seja capaz de gerenciar os profissionais envolvidos, traçar suas metas, elaborar cronogramas e definir orçamentos!

Essa é a função de um gestor de projetos, que é cada vez mais requisitado nos mais diversos segmentos do mercado e precisa dominar conhecimentos específicos sobre administração e a respeito dos processos que irá gerenciar.

Como colocar as suas ideias em prática?

Conforme mencionamos anteriormente, ser um principiante em Desenvolvimento Web envolve muita determinação. Mantenha o seu foco em uma área específica e vá até o fim nela, adotando os padrões mais recentes do mercado e praticando a partir de situações reais, até consultando códigos alheios quando necessário.

Mantenha o seu foco em uma área específica e vá até o fim nela, adotando os padrões mais recentes do mercado e praticando a partir de situações reais, até consultando códigos alheios quando necessário.

Não tenha medo de usar o Google! Existe uma grande comunidade online de programadores dispostos a lhe ajudar. Além disso, grande parte das dúvidas que um principiante em Desenvolvimento Web geralmente tem já foram respondidas e podem ser encontradas por meio de uma pesquisa rápida.

Não se esqueça, porém, de que esse tipo de recurso deve servir apenas como apoio, pois é muito difícil aprender desenvolvimento sozinho!

O mais indicado é a busca por cursos presenciais de referência na área, que possuam metodologia de ensino bem definida, imersão completa nos conteúdos, acompanhamento em tempo integral, troca de experiências e insights, além de uma rede completa de networking.  

Outra boa prática é relacionar-se com uma rede ativa de profissionais, seja por meio de grupos em redes sociais, fóruns ou amigos de trabalho, a fim de trocar experiências, pedir dicas e saber como agir em situações que, certamente, já foram vividas por outras pessoas do seu ramo.

Por fim, mas não menos importante: mantenha-se em constante processo de atualização! A área da tecnologia, mais do que qualquer outra, sofre mudanças extremamente rápidas, que precisam ser acompanhadas de perto por quem não deseja ser passado para trás!

O que um principiante em Desenvolvimento Web deve esperar de um curso na área?

É muito comum que, ao buscar por tutoriais ou soluções práticas na internet, muitos na condição de principiante em Desenvolvimento Web acabam perdendo o ânimo em procurar por um curso, dada a complexidade dos temas abordados.

A verdade é que, ao optar por uma boa instituição de ensino, qualquer aluno se torna capaz de dominar todas as linguagens de programação e demais especificidades da área!

Atualmente, cursos como o da Ironhack oferecem um ensino presencial a partir do zero, em que os alunos aprendem por meio de abordagens personalizadas, com a possibilidade de evoluir constantemente, aprender temas complexos e inclusive mudar de uma linguagem de programação para outra.

Você também é principiante em Desenvolvimento Web e ficou interessado em nossas dicas? Que tal visitar nosso Guia do Profissional e conferir nosso material super completo? Até a próxima!